(31) 3241-4177 - Sta Efigênia (31) 3567-4810 - Vila da Serra

Nossas atividades

AULAS ABERTAS

As aulas abertas são um momento em que as crianças de 4 a 6 anos têm a oportunidade de mostrar aos pais, familiares e amigos o que aprenderam em sua aula de instrumento. Respeitando as características próprias da idade, a apresentação do trabalho do semestre é feita de forma bem descontraída e intimista. São momentos de muita expectativa e emoção, pois os alunos sempre nos surpreendem com o resultado do que foi aprendido.

PALCO VILLA-LOBOS

O Palco Villa-Lobos é uma mostra do trabalho realizado na escola durante cada semestre do ano. Os alunos participantes atuam como verdadeiros artistas profissionais e emocionam o público presente. Este evento é realizado sempre fora da escola, em um teatro, e proporciona momentos musicais inesquecíveis a todos os presentes, com um repertório lindíssimo e variado.

AULA EXPERIMENTAL

A aula experimental pode ser tanto de musicalização quanto de instrumento.

Nessa aula fazemos o diagnostico sobre a adequação do aluno à turma e ao instrumento.

Pedimos que para as aulas experimentais, os alunos cheguem sempre com 15 minutos de antecedência para que possam se familiarizar com o ambiente e para evitar eventuais atrasos, que poderão comprometer a adaptação do aluno à turma e, consequentemente, seu  bom aproveitamento.

MUSICALIZAÇÃO INFANTIL

Seis a 23 meses

O curso de música para  bebês de 6 meses a 2 anos  proporciona à criança experiências musicais prazerosas através de atividades diversificadas que envolvem o corpo, a voz e instrumentos musicais, e que mobilizam o bebê, estimulando-o e promovendo seu pleno desenvolvimento.

Dos 6 aos 23 meses, as aulas semanais têm a duração de meia hora, com no máximo 3 bebês por turma. É necessária a presença de um dos pais ou responsáveis pelo aluno em sala de aula. A partir dos dois anos completos, a criança passa a ter uma hora de aula e inicia-se o processo de saída dos pais da sala para que o aluno ganhe maior autonomia e crie um vínculo mais significativo com os colegas e com o educador musical.

3 a 6 anos

A partir dos 3 anos,  os alunos  utilizam, cada vezes mais, a voz, o corpo e instrumentos musicais como formas de expressão e de criação, em turmas de no máximo, 6 alunos. Por volta dos quatro anos, as crianças iniciam o aprendizado de um instrumento musical, por meio de uma abordagem que privilegia atividades de criação e a exploração lúdica do instrumento.

O curso de Educação Musical Infantil no Núcleo Villa-Lobos é conduzido por educadores com formação em música e psicologia, dedicados ao estudo do desenvolvimento musical e cognitivo da criança.

MUSICALIZAÇÃO A PARTIR DE 6 ANOS

O curso de musicalização do Núcleo Villa-Lobos tem como objetivo oferecer aos nossos alunos a oportunidade de vivenciar a música como linguagem expressiva e forma de conhecimento.

Este curso é organizado em sete níveis, com material didático original para os alunos, desenvolvido e revisado pela nossa equipe de educação musical. A mudança de níveis se dá por uma avaliação anual escrita e por observação.

As aulas são coletivas, atendendo um grupo de até 10 alunos, de acordo com a faixa etária e o nível de musicalização.

Temos como objetivo o desenvolvimento musical dos nossos alunos, abordando de maneira sensível, lúdica e sempre pela vivência, os diferentes aspectos musicais, enfatizando a percepção, a expressão e a capacidade criativa.

A partir dos seis anos, os alunos são introduzidos gradativamente no processo de escrita e leitura musical, com o seguinte programa:

Níveis 1 e 2 (caderno 1/2): introduz os parâmetros do som (altura, duração, intensidade, timbre e densidade), os automatismos dos nomes das notas, a iniciação à grafia, batimentos e uso da voz, percepção do fraseado e forma musical,audição ativa e os projetos de criação.

Níveis 3 e 4 (caderno 3/4): aprofunda o conteúdo dos níveis anteriores, acrescentando elementos novos, como células rítmicas mais complexas, arpejos, intervalos, solfejos, noções de compasso, leitura de partituras, arranjos e projetos de criação com maior grau de elaboração.

Nível intermediário (caderno Intermezzo): aborda os conteúdos anteriores em forma de espiral, acrescentando elementos com maior nível de abstração e introduz noções de história da música.

Níveis 5, 6 e 7 (cadernos 5, 6 e 7): abordam aspectos musicais mais avançados, de caráter mais abstrato e racional, sempre por meio de jogos pedagógicos (Matemúsica), mantendo o aspecto lúdico, prazeroso e instigante, fatores indispensáveis a qualquer nível de aprendizado. A prática da audição ativa vai gradativamente propiciando aos alunos a capacidade de seguir e compreender o discurso musical.

AULA DE INSTRUMENTOS

Iniciamos as aulas de instrumento a partir dos três anos e meio de idade. Os instrumentos indicados para essa primeira etapa são: piano, bateria e violino. O Núcleo Villa-Lobos oferece aulas desses instrumentos para  crianças nessa faixa etária através de  abordagem exclusiva desenvolvida na escola . As aulas podem ser individuais ou em dupla.

AUDIÇÕES

Nossas audições acontecem no final de cada semestre, e são sempre cercadas de muita expectativa e preparadas com muito carinho.

Seu objetivo maior é, com muita alegria e entusiasmo, mostrar o progresso dos alunos durante o semestre.

As apresentações se dividem em dois momentos: o primeiro, onde a turma de apresenta um projeto de criação baseado nos conteúdos musicais estudados ao longo do semestre, e o segundo, onde os alunos apresentam-se com seus instrumentos.

Assistir às audições faz parte do processo de formação de nossos alunos. Assim, neste período em que toda a escola está envolvida com essas apresentações, incentivamos os alunos para que assistam às apresentações dos colegas, pois dessa forma podem sentir-se estimulados vendo outros alunos mais avançados e tendo a chance de conhecer novos instrumentos e novo repertório.

BANDAS

O trabalho com as bandas proporciona ao aluno uma consciência musical coletiva onde cada um tem sua importância valorizada. O processo inclui adaptação de arranjos conhecidos, composição de canções inéditas e até releituras de músicas de grandes compositores/intérpretes.

O resultado é apresentado a cada semestre em eventos promovidos pela escola e seus parceiros. Desta forma, o contato com a realidade do palco se torna cada dia mais natural e agradável. As bandas fazem shows em teatros, locais públicos, casas noturnas, entre outros.